Destaques

06/09/2018 15:52 Marcos José / Abraão Lincoln

AF: Delegado diz que continuará combatendo a exploração sexual de crianças e adolescentes

Dr. Carlos Francisco de Moraes, Delegado de Polícia de Alta Floresta, falou a nossa reportagem sobre a denúncia de menores de idade estar trabalhando em casas de prostituição em Alta Floresta.

O Delegado frisou que em uma operação realizada na sexta-feira (31), a Polícia Militar juntamente com o Conselho Tutelar chegaram a um estabelecimento comercial onde foi localizada uma menor de 17 anos.

De imediato o proprietário foi intimado a compareceu na Delegacia de Polícia judiciária Civil, sendo interrogado, qualificado e responderá pelo crime, inclusive confessou que ali havia garotas de programa e a menor teria vindo de outra cidade.

Para o delegado, as meninas usam a seguinte tática; elas fazem um boletim de ocorrência que perderam os documentos pessoais e aumentam a idade, ocorre que quando a fiscalização chega elas apresentam o B.O dizendo serem maiores de idade.

O delegado disse a nossa reportagem que a exploração sexual é proibida e continuará o combate à pedofilia e exploração sexual de crianças e adolescentes.


Aplicativo divulgacao
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo