Alta Floresta (MT), 20 de janeiro de 2018 - 16:50

Esportes

13/01/2018 08:38 Gazeta Esportiva

Henrique Dourado, enfim, revela o seu desejo: “Minha vontade é sair”

Henrique Dourado, enfim, assumiu que pretende se despedir do Fluminense em janeiro. Nesta sexta-feira, após a derrota do Fluminense para o PSV nos pênaltis, por 5 a 4, depois de 1 a 1 no tempo regulamentar, pela Copa Flórida, o artilheiro do Brasileirão de 2017 revelou que não espera continuar no Tricolor das laranjeiras, conforme já havia sido especulado nas últimas semanas.

“Para ser bem sincero, hoje minha vontade é sair. Sabe por que? Porque estou esperando algumas situações, já as passei para quem deveria. Não cabe a mim ficar falando e apontando o dedo, mas espero que tudo se resolva”, disse Henrique Dourado.

O atacante do Fluminense também revelou que já manifestou qual é o seu desejo ao presidente do clube, Pedro Abad. Inicialmente se mostrando contra uma negociação envolvendo o atacante, o mandatário tricolor aparentemente deverá mudar sua postura e se abrir para as tratativas com o Corinthians, favorito na contratação do jogador.

“Foi uma conversa muito franca. Sou um cara muito profissional, não preciso ficar aqui falando. Espero que se resolva, que seja bom tanto para mim quanto para o Fluminense. Poderia tomar algumas medidas que não fazem parte dos meus princípios. Optei por ser homem, estou dando a cara, tenho hombridade para falar aquilo que estou sentindo”, prosseguiu Dourado.

Ao contrário de Gustavo Scarpa, que optou por entrar na Justiça contra o Fluminense por conta do atraso de salários, Henrique Dourado preferiu viajar com o restante do elenco para os Estados Unidos, onde o clube realiza pré-temporada, e não criar mais polêmica em torno do Tricolor.

“Cada um faz aquilo que tem direito, o que acha que vai ajudá-lo, mas eu tenho alguns pensamentos diferentes. Espero que se resolva o mais rápido possível, porque sei que tenho contrato, que todos estão esperando uma resposta por isso. Agora é sentar, conversar e ver o que é melhor para mim e para o Fluminense”, pontuou.

Já ao ser questionado sobre a declaração do presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, que afirmou ter desistido da contratação de sua contratação, o atacante do Fluminense se mostrou bastante tranquilo, preferindo aguardar os próximos capítulos desta longa novela.

“Faz parte, a gente sabe que o futebol é dinâmico, o mercado é muito dinâmico. Se isso acontecer, quero continuar treinando, trabalhando e vamos ver o que vai acontecer. Não posso ficar parado, esperando, porque aí fico longo do preparo físico, do trabalho”, completou o artilheiro do último Brasileirão e favorito a assumir a vaga deixada por Jô no Corinthians.


Aplicativo divulgacao

Rádio Progresso AM 640

Av. Ludovico Da Riva Netto, 3274
Alta Floresta/MT - CEP 78580-000
Fone (66) 3521-3501 ou 3521-8188

comercial@radioprogresso640.com.br

jornalismo@radioprogresso640.com.br

Redes Sociais

Alta Floresta
Carregando...

? ºC

/

Proibida a reprodução de conteúdo sem citação da fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo