Esportes

01/08/2018 10:33 A GAZETA

Operário vai passar a se chamar Flamengo de Mato Grosso

De volta à elite do futebol mato-grossense ao faturar o Estadual da Segunda Divisão, o Operário Futebol Clube já começa a se articular para a mudança de nomenclatura. Gestor do clube-empresa e treinador Parma de Oliveira afirmou que irá até à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para trocar o nome de Operário para Flamengo de Mato Grosso. De acordo com ele, para a mudança, é preciso pagar um valor de R$ 30 mil na CBF.

“Já para o Estadual da Primeira Divisão de 2019, já iremos competir com o nome de Flamengo de Mato Grosso. Vamos nos desvincular totalmente do Operário. A partir de agora vida nova”, disse o dirigente, ressaltando que a diretoria do clube presidida pelo empresário Sebastião Viana investiu R$ 40 mil para obter o acesso de volta à Primeira Divisão do Mato-grossense.

No torneio de acesso, o Operário fechou com 100% de aproveitamento. Foram dois jogos e duas vitórias consecutivas em cima do Juara, outro que subiu à Primeira Divisão de 2019 e Cacerense.

Segundo Parma de Oliveira, o Flamengo de Mato Grosso virá forte para o Estadual. O dirigente destaca que a diretoria já conseguiu parceiros fortes para manter a equipe no Campeonato Mato-grossense.

“Hoje o clube vive com suas próprias pernas. Nossos parceiros conseguiram nos ajudar na Segunda Divisão e nos ajudará para a próxima temporada”, finalizou.


Aplicativo divulgacao
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo