Polícia

07/11/2017 08:09 G1

Jovem diz que atirou várias vezes para aluna não sentir dor

Preso por matar a estudante Raphaella Noviski, de 16 anos, em uma escola da cidade goiana de Alexânia, Misael Pereira Olair disse em depoimento que atirou diversas vezes para que a garota não sentisse dor. "Ele afirmou que atirou várias vezes nela porque queria que ela morresse logo e não sentisse dor", contou ao G1 a delegada Rafaela Azzi.

O Instituto Médico Legal para onde o corpo de Raphaella foi levado informou ao portal que a aluna foi atingida por 11 disparos, a maioria na cabeça, além de um no tórax, um no antebraço e dois nas mãos - o que, segundo a legista Claudina Ramos Caido, sugere que ela teria tentado se defender do ataque.


Aplicativo divulgacao
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo