Polícia

01/09/2018 08:49 Folhamax

Universitários levam arma para sexo com garotas de programa e são presos em Cuiabá

Uma confusão envolvendo duas prostitutas na madrugada desta sexta-feira (31), fez com que dois estudantes universitários fossem presos por posse ilegal de arma de fogo no bairro Shangri-lá, região do Coxipó, em Cuiabá. Durante a madrugada, os dois estudantes se deslocaram de carro até a região do ‘Zero Km’, em Várzea Grande, e contrataram duas garotas de programa em uma boate.

Porém, ao invés de irem a um motel, foram para a casa dos jovens, no Shangri-lá. Ao chegarem ao local, um dos rapazes que estava com um revólver calibre 38 de cano curto, com cinco munições intactas.

Ele tirou a arma e colocou em cima da mesa. De acordo com as garotas, não houve nenhum desentendimento em relação aos valores.

Porém, uma delas ficou nervosa e não concordou por conta da presença da arma no ambiente. As mulheres se sentiram inseguras e ameaçadas e acionaram a Polícia Militar.

Os dois estudantes são do interior do estado e moram em uma casa num bairro nobre da capital. Eles foram detidos e conduzidos até a delegacia por posse ilegal de arma.


Aplicativo divulgacao
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo