Alta Floresta (MT), 20 de outubro de 2017 - 16:52

Política

07/04/2017 08:57

Duas chapas buscam comando do PT, mas pressão é para Barranco assumir

O campo majoritário do PT, representado pela corrente Construindo um Novo Brasil (CNB), acredita que será possível chegar ao consenso com as correntes O Trabalho e Esquerda Marxista que se organizam para disputar o comando partidário em Mato Grosso. O congresso estadual da sigla será realizado em 6 e 7 de maio. 

Integrante da CNB, o deputado estadual Allan Kardec defende que o correligionário Valdir Barranco substitua William Sampaio na presidência do PT no Estado.  “Estamos na expectativa que o companheiro  seja candidato, assuma a presidência e faça trabalho de renovação que o partido tanto precisa”, disse o parlamentar.

Barranco tem reiterado que pretende se dedicar ao mandato de deputado estadual e que não almeja presidir o PT de Mato Grosso. Porém, a tendência é que acabe cedendo à pressão da militância e assuma o comando da sigla. 

Kardec também lembrou que as correntes mais a esquerda, que estão organizando a chapa “Militantes pela Reconstrução do PT”, liderada pelo professor Robinson Ciréia e pela psicóloga Ana Regina Ribeiro, estão entrando na disputa somente para garantir assento na direção partidária. “A gente respeita o espaço da companheirada, mas o campo majoritário está fazendo chapa na condição de ganhar a eleição interna”, completou. 

A CNB e as correntes de esquerda concordam em manter o veto a alianças com o PMDB e os demais partidos que apoiaram o impeachment da presidente da República Dilma Rousseff (PT), sacramentado pelo Senado em agosto de 2016. Entretanto, Kardec lembra que existe o risco do PT sequer conseguir somar votos suficientes em 2018 para reeleger os dois membros da bancada na Assembleia e o deputado federal  Ságuas Moraes. 

“Se o PMDB se restringisse ao movimento ideológico do senador Requião, estaria pronto para a aliança com PT. Como não tem essa visão, não podemos fazer aliança com o PMDB do governo ilegítimo de Michel Temer”, explicou Kardec se referindo ao peemedebista do Paraná que classifica o impeachment de Dilma como golpe. 

Apesar dos petistas atuarem em conjunto com  a deputado estadual Janaina Riva (PMDB) na Assembleia, Kardec acredita que a aliança em 2018 se restringirá ao PDT, PCdoB e pouco provavelmente com o PSOL. Segundo ele, a coligação entre as quatro siglas pode garantir chapa proporcional competitiva para reeleger os parlamentares e ampliar a bancada. 

Sobre a majoritária, Kardec afirma que Ságuas está credenciado para disputar o Governo do Estado ou o Senado. Também aponta Lúdio Cabral como potencial candidato em 2018, lembrando que o correligionário fez 475 mil votos quando foi derrotado pelo governador Pedro Taques (PSDB)  em 2014. 

 Ságuas tem repetido que pretende se afastar da vida quando encerrar o mandato de deputado estadual. Kardec, no entanto, acredita que o petista vai rever o posicionamento se a candidatura de Lula à presidência da República se confirmar. “A candidatura do Lula deve renovar o ânimo de todo o partido”, pontua.

Além disso, Kardec acredita na possibilidade do PT reverter o quadro desfavorável causado pelos escândalos de corrupção da cúpula nacional e obter vitórias importantes nas próximas eleições. Nas eleições municipais de 2016, a sigla encolheu 66% em âmbito nacional e não conseguir eleger nenhum vereador em Cuiabá onde tinha dois representantes na Câmara. 

“A má atuação de Temer com as reformas que atacam diretamente aos trabalhadores deve dar um novo fôlego ao PT. A onda neoliberal fará a grande massa querer recuperar seus direitos a partir da esquerda. No Estado, Taques também adota medidas impopulares. Por isso, acredito que vamos disputar as eleições de igual para igual”, concluiu Kardec. 


Aplicativo divulgacao

Rádio Progresso AM 640

Av. Ludovico Da Riva Netto, 3274
Alta Floresta/MT - CEP 78580-000
Fone (66) 3521-3501 ou 3521-8188

comercial@radioprogresso640.com.br

jornalismo@radioprogresso640.com.br

Redes Sociais

Alta Floresta
Carregando...

? ºC

/

Proibida a reprodução de conteúdo sem citação da fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo