Alta Floresta (MT), 18 de dezembro de 2017 - 17:55

Política

21/11/2017 07:27 MidiaNews

Eleições suplementares definem prefeitos de duas cidades de MT

Os candidatos Leonardo Bortolin (PMDB) e Euclides da Silva Paixão (PP) foram eleitos no domingo (19), respectivamente, prefeitos de Primavera do Leste (a 240 km de Cuiabá) e de Mirassol D' Oeste (a 329 kml).

 

Eles foram escolhidos por meio de eleições suplementares convocadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

 

Leonardo Bortolin foi escolhido novo prefeito de Primavera do Leste após receber 17.608 votos, equivalente a 69,25% do total de votos válidos.

 

Ele já respondia interinamente pela prefeitura do Município desde a cassação do ex-prefeito Getúlio Viana (PSB).

 

Ele terá como vice Sérgio Luiz Fava (PR), com quem formou a coligação “Renovação que une”.

 

Ao todo, 27.883 eleitores compareceram para votar, de um total de 39.932 cadastrados no município. Ou seja, 30,17% dos eleitores deixaram de comparecer às urnas.

 

Do total, 3,27% dos eleitores votaram em branco e 5,54% anularam o voto.

 

Para a realização da eleição no município, a Justiça Eleitoral contou com um orçamento de R$ 120 mil.

 

A eleição suplementar foi convocada após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manter a impugnação do registro de candidatura do então prefeito eleito Getúlio Viana.

 

Mirassol D’Oeste

 

Já o candidato Euclides da Silva Paixão, da coligação “Vamos Avançar”, recebeu 6.344 votos, o que equivale a 54,96% do total de votos válidos. O vice dele é Fransuelo Ferrai dos Santos (PSC).

 

Dos 19.168 eleitores do município aptos ao exercício do voto, 12.450 compareceram às urnas e, destes, 11.543 escolheram uma das chapas, 351 votaram em branco e 556 nulos.

 

Para a realização da eleição no município, a Justiça Eleitoral contou com quase 330 colaboradores que atuaram em 10 locais de votação, sendo dois em assentamentos.

 

Trinta policiais civis e militares fizeram a segurança no município. A realização do novo pleito custou R$ 77 mil.

 

A eleição suplementar aconteceu porque o prefeito eleito em outubro do ano passado, Elias Mendes Leal Filho (PSD), teve a candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral, após ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa. 

 

Elias já havia sido condenado pelo Tribunal de Contas da União e é considerado inelegível até 2024.

 

Desde a saída dele, a prefeitura do município está sob o comando da presidente da Câmara de Vereadores, Marinez Campos (PTB).


Aplicativo divulgacao

Rádio Progresso AM 640

Av. Ludovico Da Riva Netto, 3274
Alta Floresta/MT - CEP 78580-000
Fone (66) 3521-3501 ou 3521-8188

comercial@radioprogresso640.com.br

jornalismo@radioprogresso640.com.br

Redes Sociais

Alta Floresta
Carregando...

? ºC

/

Proibida a reprodução de conteúdo sem citação da fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo