Política

11/07/2018 07:48 Repórter MT

Taques: 'Estou muito velho para me sentir lisonjeado com qualquer coisa'

O governador Pedro Taques (PSDB) evitou comentar uma fala do ministro da Agricultura, Blairo Maggi (PP), reconhecendo que o tucano tem boas chances de conseguir se reeleger. Taques disse não se sentir lisonjeado com a declaração do ministro, que foi governador de Mato Grosso entre 2003 e 2010.

“Senhores, eu já estou muito velho para me sentir lisonjeado com qualquer coisa”, declarou Pedro Taques nesta terça-feira (10).

Na segunda-feira, Maggi disse em tom de aviso aos concorrentes ao Palácio Paiaguás que Taques “não está morto”. O recado do ministro ao ex-prefeito de Cuiabá Mauro Mendes (DEM) e ao senador Wellington Fagundes (PR) foi com base em pesquisas recentes, que mostrariam os três empatados em intenções de voto.

“Ao que consta o ministro Maggi, ele disse que não vai participar da eleição em Mato Grosso e é um direito dele fazer essas manifestações”, resumiu o governador.

Taques enfrenta índices altos de rejeição em pesquisas realizadas no primeiro semestre deste ano e aparece com percentuais próximos a Mauro e Wellington nas pesquisas quantitativas.

Até o último sábado, quando ficou proibido pela legislação eleitoral de inaugurar obras, o governador realizou uma série de vistorias e entregas com o objetivo de divulgar as realizações de sua gestão.

O governador tenta articular um arco de alianças que conta com sete partidos e, de acordo com pessoas próximas a ele, pretende chegar a um total de 10 siglas. Além do PSDB, também devem estar com o tucano o PSB, o PPS, o PRTB, o Patriota, e o Solidariedade , além do PV.


Aplicativo divulgacao
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo