Alta Floresta (MT), 24 de setembro de 2018 - 05:40

Política

03/09/2018 09:17 Midia News

“Não se preocupam com o povo; cada um quer garantir seu lugar”

A candidata ao Senado Selma Arruda (PSL) não poupou críticas aos “ex-colegas” de chapa, o governador e candidato à reeleição, Pedro Taques, e o também postulante ao Senado, Nilson Leitão (PSDB).

Segundo a ex-juíza, os membros da coligação da qual ela faz parte fizeram de tudo para excluí-la do grupo. O motivo, conforme Selma, é que eles não querem pessoas que façam política de “forma séria”. 

“A atitude do PSDB, da coligação, foi absolutamente no sentido de me excluir. Querem usar de artifícios, artimanhas e qualquer tipo de estratégia, a qualquer custo, para garantir sua própria eleição. Não tem ninguém preocupado com o povo, em acabar com a corrupção. O negócio deles é garantir cada um o seu lugar”, disparou ela.

Na tarde de sexta-feira (31), a candidata deu uma coletiva para afirmar sua independência na disputa eleitoral.

Apesar de mostrar seu descontentamento com os colegas, especialmente com o deputado federal Nilson Leitão, Selma disse que não pensou em desistir de sua candidatura.    

Ele ainda acusou os tucanos de não quererem que ela seja eleita. 

“Quando me dei conta que a política - embora todo mundo fale que quer coisas novas - ainda é feita pelos políticos da forma antiga, da forma errada, eu percebi que se eu saísse da coligação ou não, de qualquer forma eles iriam me boicotar. Não querem que eu seja eleita”, disse. 

“Se é pra fazer campanha com Facebook, campanha de rasteirinha caminhando na calçada, eu vou fazer, não nasci política. Estou me colocando à disposição para trabalhar por vocês, pelo povo. E não é discurso”, acrescentou Selma. 

Ela citou, inclusive, que entre os motivos que a levam a insistir em sua candidatura estão os fatos vivenciados quando esteve à frente da 7ª Vara Criminal e foi responsável, entre outros pontos, por mandar prender e condenar políticos envolvidos em esquema de corrupção. 

“Vocês sabem o que eu vi e o que eu vivi naquela 7ª Vara Criminal. Vocês sabem o tanto de coisa que está sendo tirada de vocês, de cada um de nós. E é por isso, só por isso, que estou aqui. Se não me eleger voltarei pra casa com minha consciência tranquila de que minha parte eu fiz”, disse. 

“Se tem gente que vende a alma pro diabo ou faz qualquer coisa pra se eleger, podem ter certeza que é por interesse próprio”, concluiu Selma.


Aplicativo divulgacao

Progresso FM 102,1

Av. Ludovico Da Riva Netto, 3274
Alta Floresta/MT - CEP 78580-000
Fone (66) 3521-3501 ou 3521-8188

 

 

Redes Sociais

Alta Floresta
Carregando...

? ºC

/

Proibida a reprodução de conteúdo sem citação da fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo